Google vale sozinho mais do que toda a bolsa de valores brasileira


O Google fechou 2015 valendo US$ 528,44 bilhões, a segunda maior companhia norte-americana, atrás apenas da Apple, que fechou 31 de dezembro valendo também US$ 586,85 bilhões. Essas duas empresas de tecnologia da informação sozinhas valem hoje mais do que todas as empresas que têm ações na bolsa de valores brasileiras, apurou a consultoria Economatica. Conforme a consultoria, o valor de mercado das as empresas brasileiras é de US$ 463,7 bilhões, queda de 42,5% em relação a 2014.

Em 2015 as bolsas de valores da América Latina registraram queda média  de 31,5%, com  perdas lideradas pelo Brasil e Colômbia- aponta a Economatica. Individualmente, a Colômbia registrou a maior perda, de 42,5% e o Brasil, de 41,9%. As 756 empresas de capital aberto da América Latina valiam, em 2014, US$ 1,86 trilhão. No ano passado, as empresas perderam nada menos do que US$ 588,9 bilhões, passando a ter um faturamento total de US$ 1,28 trilhão. Nesse período, várias empresas também fecharam seu capital e somam agora 710 empresas listadas nas bolsas da América Latina.

Conforme a consultoria, as 123 empresas mexicanas estão se aproximando rapidamente ao valor de mercado das 289 empresas brasileiras que têm ações listadas em bolsa. Se em 2014 o Brasil representava 42,66% do total do mercado latino-americano, no ano passado sua participação caía para 36,22%, seguido de perto pelo México, que já tem 34,16% de participação.

PUBLICIDADE

Se o desempenho do  mercado brasileiro  não tivesse sido tão ruim, o valor  somado das empresas brasileiras ultrapassaria o das gigantes de OTT norte-americanas. Em 2014, as nacionais tinham valor de US$ US$ 797,5 bilhões.

 

 

 

 

Anterior Telefónica faz joint venture com China Unicom
Próximos Anatel aplicará redutor tarifário de 4,8% na telefonia fixa