Google Campus São Paulo anuncia 15 startups em primeiro Programa de Residentes


Campus google são pauloO Google anunciou hoje, 08, a primeira turma do Programa de Residentes do Campus São Paulo. No total, foram recebidas 852 inscrições de empreendedores de todo o Brasil e, após longas semanas de análises, discussões e entrevistas com a ajuda de um comitê de especialistas, o time do Campus selecionou um grupo de 15 startups.

É a primeira vez que um dos seis campi do Google no mundo oferece um programa próprio de residência. Diferente do modelo dos outros campi, o Campus São Paulo atuou diretamente na seleção e irá oferecer acompanhamento e monitoria para as startups durante os seis meses de programa.

PUBLICIDADE

Como residentes, as startups terão seis meses de espaço de trabalho no Campus São Paulo, acesso à rede de experts do Google, oportunidades para participar de programas de imersão globais e eventos exclusivos. Tudo sem nenhum custo.

As selecionadas:
AlugaLogo – é uma plataforma para locação de equipamentos para construção e indústria. Ela conecta locatários e locadores, aumentando a velocidade de contratação e reduzindo a frota ociosa.

Baby&Me – marca de produtos práticos e inovadores para a primeira infância, amparada por uma comunidade de mães que participa ativamente da criação e distribuição desses produtos.

Bliive – rede colaborativa de troca de tempo que empodera pessoas a viverem novas experiências usando seus conhecimentos e habilidades como moeda.

Cuponeria – oferece cupons de desconto e conecta anunciantes ao público final. É um serviço de mídia de performance para o varejo e também uma plataforma de economias para os usuários.

Easycrédito – conecta pessoas que dispõem de pouco acesso a serviços financeiros com empresas que oferecem empréstimos e financiamentos. A plataforma cria uma experência de contratação de crédito online com foco no consumidor.

Idwall – plataforma que automatiza o processo de decisão de empresas através da coleta automática de dados e inteligência artificial. Uma tecnologia que pode ser aplicada em diversos tipos de indústrias, setores e diferentes departamentos dentro de uma mesma empresa.

Nama – plataforma SaaS de CRM e chat que usa inteligência artificial para atender usuários conectados através de Chat Web, Facebook, SMS, Telegram, Slack, entre outros.

New Hope Ecotech – conecta empresas de bens de consumo com recicladores através de Certificados de Reciclagem gerando impacto ambiental, social e financeiro.

ProDeaf – quebra barreiras da comunicação por meio de uma plataforma que traduz línguas orais para línguas de sinais.

Scicrop – startup de tecnologia para o agronegócio. Ela traz uma solução de smart farming e big data analytics que permite análises de risco, aumento da produtividade e otimização de recursos no campo.

SenseData – plataforma de Customer Success que apoia seus usuários na gestão e fidelização de seus clientes.

Smarttbot – automação de investimentos na Bolsa de Valores. Os robôs retiram o fator psicológico do processo de investimento por parte de seus clientes e os liberam da necessidade de monitorar constantemente o mercado e seus constantes movimentos.

StoryMax – cria app-livros atraentes e engajadores para tablets e smartphones, proporcionando experiências de leitura profunda, reflexão e aprendizado.

Trakto – aplicativo que permite que profissionais e empresas criem e publiquem materiais de marketing de impacto.

Upbeat Games – desenvolvedora de jogos para plataformas móveis. Sua missão é criar jogos sociais divertidos e de alto engajamento que possam ser jogados de qualquer lugar através de dispositivos móveis.

Anterior Anatel confirma frequências da 2,5 GHz da Claro
Próximos Preço da banda larga fixa cai 72% em cinco anos no Brasil, afirma Anatel