Golpe via SMS teria atingido 410 mil pessoas esta semana


shutterstock_faithie_internet_seguranca_virus

Um golpe financeiro que se propaga através de SMS voltou a ser aplicado nesta semana, conforme descoberta do laboratório de segurança digital DFNDR Lab, da PSafe. A mensagem simula padrões usados por Banco do Brasil e Santander para obter dados de clientes.

Traz os dizeres: “Por razões de segurança, seu cartão foi bloqueado” e “Prezado (a) cliente, seu cartão de segurança expirou” e convida o receptor a clicar em uma URL.

PUBLICIDADE

Ao clicar, o cliente abre a pagina, onde é levado a preencher um formulário com dados pessoais, como CPF, número de cartão de crédito, senhas, fotos de tokens e cartões de segurança. Até o IMEI do celular é solicitado para permitir aos criminosos clonar aparelhos.

O golpe foi identificado e bloqueado por aplicativos da PSafe 33 mil vezes apenas nesta semana. Com base neste índice, a empresa calcula que ao menos 410 mil pessoas tenham sido impactadas pelo golpe. Não é possível precisar, no entanto, quantas de fato foram enganadas e entregaram informações sigilosas aos golpistas. (Com assessoria de imprensa)

Anterior Preço dos bens reversíveis será "muito baixo" em 10 anos, diz Navarro, da Telefônica
Próximos Claro Brasil vai ampliar corte de custos em 2018