Funttel destinará 40% das verbas para N, NE e CO


O ministro das Comunicações, André Figueiredo, decidiu destinar este ano 40% dos recursos do Fundo para o Desenvolvimento Tecnológico das Telecomunicações para as regiões Norte, Nordeste e Centro-Oeste.  “A retomada do crescimento, neste ano, terá a contribuição do setor de telecomunicações”, afirmou.

A partir de fundos constitucionais e garantidores, que focam nos pequenos provedores de conexão com a internet, e dos leilões realizados pela Anatel, o Ministério das Comunicações (MC) também pretende garantir recursos para a universalização da internet.

PUBLICIDADE

Em 2015, o Funttel investiu mais de R$ 250 milhões em apoio a projetos de pesquisa e inovação em telecomunicações. Foram R$ 52 milhões direcionados a iniciativas de pesquisa e R$ 200 milhões para empresas nacionais do setor repassados por meio da Financiadora de Estudos e Projetos (Finep).

As pesquisas com a quinta geração das telecomunicações móveis, a 5G, se destacaram entre os projetos apoiados. A implantação do Centro de Referência em Radiocomunicações (CRR) no campus do Instituto Nacional de Telecomunicações (Inatel), em Santa Rita do Sapucaí (MG), é um exemplo. A instituição atua como um polo de pesquisas na área de comunicações sem fio. (com assessoria de imprensa). 

PUBLICIDADE
Anterior Nokia: mais nomes da nova estrutura de comando na América Latina
Próximos Governo recolhe R$ 7,66 bi das teles para FUST e FISTEL no ano passado