Fitch corta as notas de créditos da PT e da Oi


O imbróglio entre a Portugal Telecom, Rioforte e Oi continua a ter consequências no mercado. A agência de notação financeira Fitch cortou  o rating dos títulos das duas operadoras para BB+, que significa investimento especulativo, apesar do acordo divulgado ontem, que transfere à PT toda a responsabilidade da dívida não paga de 847 milhões de euros pela empresa do grupo português Espírito Santo.

A Fitch também considerou o outlook (perspectiva de evolução) das duas companhias como “estável”. Nas explicações para o corte a agência sustenta que o investimento da Portugal Telecom na Rioforte “levanta sérias preocupações” e acrescenta algumas sombras nas perspectivas da nova empresa que vai surgir da fusão.

PUBLICIDADE

Como consequência, as ações da PT estão em queda de mais de 2% na bolsa de Lisboa, depois da valorização de mais de 3% ontem.(Com agências internacionais)

Anterior MTST reivindica melhor telefonia móvel nas ocupações, em SP
Próximos Receita de serviços de comunicação avança 4,5% em maio, diz IBGE.