Europa quer investimentos de €1,8 bi em cibersegurança até 2020


 

continente-europeu-europa-mapa
A Comissão Europeia (CE) anunciou hoje, 05, um programa de incentivo ao desenvolvimento da cibersegurança. A intenção é estabelecer parcerias público-privadas (PPPs), que vão totalizar investimentos de €1,8 bi em segurança digital 2020. Desse montante, € 450 milhões virão da Comissão Europeia. O resto ficará a cargo das empresas que participarem do programa.

A empreitada gira em torno de quatro eixos fundamentais. Primeiro, a Comissão pretende criar mecanismos de cooperação entre os países do bloco. Para isso, estabeleceu uma diretriz de rede e segurança da informação, a ser votada amanhã no Parlamento Europeu. Segundo, vai criar um marco legal de certificação de produtos de segurança. Terceiro, vai realizar as PPPs como medida de incentivo à inovação. Quarto, criará um fundo para financiar pequenas e médias empresas no setor.

PUBLICIDADE

A nova política de cibersegurança surgiu a partir de diversas motivações. Segundo a CE, 80% das empresas tiveram algum problema relacionado a isso em 2015. A Comissão pretende, ainda, estimular formas de integrar os mercados dos países que integram o bloco, colocando a iniciativa como parte da construção de um mercado digital único. As áreas mais importantes são de energia, transporte e finanças.

Anterior Pacote econômico preserva bens reversíveis no Congresso Nacional, assegura fonte do MCTIC
Próximos ONU pede que todos os países tenham seu Marco Civil da Internet