Estudo da PROTESTE demonstra que combos são a opção mais econômica


Os combos de internet residencial, telefone fixo e TV por assinatura são as melhores alternativas para consumidores que desejam economizar, concluiu um estudo realizado pela PROTESTE (Associação Brasileira de Defesa do Consumidor).

PUBLICIDADE

Na comparação entre diversas opções do mercado, a pesquisa observou que é possível economizar quase R$1 mil anualmente a depender do perfil do cliente e dos serviços contratados. Outra constatação da pesquisa, é que a banda larga é um dos serviços que mais encarece os planos e, por isso, o consumidor deve avaliar criteriosamente suas necessidades de velocidade de internet.

O estudo se baseou em combos que envolviam fidelidade de 12 meses oferecidos nas capitais Rio de Janeiro e São Paulo. Foram avaliados os planos dos níveis básico, intermediário e avançado de quatro operadoras – Net/Claro, Vivo, Tim e Oi.

A pesquisa também levou em conta opções de combos com apenas dois serviços (internet e telefone fixo). Especialistas afirmaram que esses pacotes contribuem para “economizar ainda mais e otimizar o orçamento familiar”. Assim, “um carioca que prefere agilidade na hora de navegar na internet, em vez de muitos canais de TV por assinatura, pode poupar R﹩ 960,96 [por ano] escolhendo um plano intermediário da operadora Oi no lugar de um plano básico da NET Claro”

Outras orientações do PROTESTE que o consumidor deve seguir na hora de fechar o contrato de um combo são solicitar um resumo das principais características, perguntar detalhes das possíveis promoções, se certificar da velocidade do serviço. Além disso, é importante estar atento ao período de fidelidade, às regras e reajustes e às taxas de adesão. (Com assessoria de imprensa)

PUBLICIDADE
Anterior Conexão cancela entrada na bolsa
Próximos Bolsonaro indica 3 militares para dirigir a Autoridade Nacional de Proteção de Dados