Ericsson define Presidente para o Cone Sul da América Latina


O executivo Rodrigo Dienstmann acaba de assumir como Presidente da Ericsson no Brasil, Argentina, Chile, Peru e Uruguai – países que compõem o Cone Sul da América Latina para a companhia. Ele se reportará diretamente a Arun Bansal, Presidente da empresa para região MELA (Market Area Europe & Latin America).

Rodrigo Dienstmann vem da Mobicare e da Akross, empresas focadas no desenvolvimento e operação de plataformas de software de missão crítica, onde atuou como CEO desde 2017. Nos dois anos anteriores, foi COO da Vivo, a maior operadora de telecomunicações do Brasil, onde liderou as áreas de Engenharia e Operações, Tecnologia da Informação, Logística, Atendimento ao Cliente e Garantia de Qualidade.

Antes disso, Rodrigo foi CEO da Cisco do Brasil, onde também liderou várias unidades de negócios por 6 anos. Em sua bagagem profissional, traz ainda a experiência como Vice-Presidente Executivo da GVT, e head em outras unidades de negócios, como Varejo, SMB e Enterprise; além de cargos de Marketing, Gestão de Produto, Vendas e TI na Oi, Intelig Telecom, Iridium Sudamerica e Siemens.

Rodrigo é graduado em Engenharia Eletrônica e de Telecomunicações pela Universidade Tecnológica Federal do Paraná e possui MBA em Negócios pelo IBMEC Rio de Janeiro.

Dienstmann assume o posto deixado vago por Eduardo Ricotta, que foi comandar a subsidiária na região de uma empresa de energia ano passado. O cargo era ocupado interinamente por Vinicius Dalben, que volta à posição de VP Commercial Managment. (Com assessoria de imprensa)

Anterior Novo regulamento de satélites chega ao Conselho Diretor
Próximos Monkey deve fechar o ano com R$ 30 bi em recebíveis negociados