Embrapii abre edital para projetos de IoT


A Empresa Brasileira de Pesquisa e Inovação Industrial (Embrapii) abre chamada pública para selecionar até quatro novos centros de pesquisas para integrar sua rede de unidades. Cada vencedor receberá R$ 5 milhões para desenvolver projetos em parceria com a indústria, na área de IoT/Manufatura 4.0. A previsão é que as novas unidades iniciem a operação no 2º semestre.

Com o modelo de cofinanciamento da Embraapii, a seleção deve gerar cerca de R$ 60 milhões em projetos de inovação. Em geral, a organização financia 1/3 do valor dos projetos com recursos não reembolsáveis. Mas exige contrapartida financeira da iniciativa privada e aportes das instituições de pesquisa envolvidas nos projetos.

Para participar da seleção, os candidatos devem comprovar credenciamento no Comitê da Área de Tecnologia da Informação do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (CATI/MCTI). Além disso, é preciso apresentar um Plano de Ação para três anos de operação e comprovar que já obtiveram pelo menos R$ 5 milhões em recursos de empresas industriais no desenvolvimento de projetos de PD&I, no período entre 2017 e 2020.

As selecionadas vão atuar no âmbito do Programa Prioritário (PPI) em IoT/Manufatura 4.0 da Embrapii. Por meio desse instrumento, o MCTI apoia projetos estratégicos na área de TICs.  O programa está ligado à Lei de TICs, tendo como fonte de recursos o investimento de Pesquisa Desenvolvimento e Inovação (PD&I) das empresas beneficiadas pela lei.

Do início de sua operação, em 2019, até hoje, o PPI IoT/Manufatura 4.0 já apoiou cerca de R$ 20 milhões em projetos de PD&I entre Unidades EMBRAPII e empresas. Recentemente, a entidade também abriu a seleção de projetos de  (PD&I) de startups. O edital fecha desse processo fecha amanhã. (Com assessoria de imprensa)

 

 

 

 

Anterior Anatel lança carta aos municípios e mapa de exposição de campos magnéticos
Próximos TIM aposta em redes públicas para cobrir o campo