PORTAL DE TELECOM, INTERNET E TIC

Destaques Publieditorial

Em parceria com a Huawei, Connectoway cresce com a distribuição de roteadores de WiFi 6

Distribuidora aponta que equipamentos da fabricante para redes sem fio contemplam as tecnologias mais demandadas pelos ISPs, além de contribuir para fidelizar clientes

Connectoway tem uma parceria bem-sucedida com a Huawei para distribuição de roteadores

Conhecida como uma das maiores distribuidoras de equipamentos de telecomunicações do Brasil, a Connectoway viu os negócios crescerem significativamente após se aproximar da Huawei, em uma parceria bem-sucedida sobretudo no que diz respeito à distribuição de roteadores com suporte ao WiFi 6.

Antevendo as atuais exigências por qualidade de conexão em redes domésticas e corporativas, a distribuidora deu início à comercialização de roteadores da HUAWEI no País ainda em 2018. Desde então, registrou uma alta de 35% no volume de vendas de sua vertical de produtos para redes sem fio.

Segundo Willian Taylor, diretor Comercial e de Marketing da Connectoway, os roteadores da Huawei são considerados por muitos como os mais completos do mercado, o que foi logo percebido pelas empresas do setor. Isso se dá pelo fato de que os roteadores da empresa fornecem altas velocidades, estabilidade de sinal e segurança ao usuário, além de praticidade em termos de configuração e manutenção da banda larga por parte dos provedores.

“A Connectoway só conseguiu crescer de forma considerável e rápida graças a essa forte parceria com a Huawei. Isso nos levou ao patamar de distribuidor nacional”, afirma o executivo.

Atualmente, a distribuidora fornece equipamentos de telecomunicações para mais de 9 mil provedores de serviços de internet (ISPs) em todo o País. Com sede em Recife, a empresa conta com uma filial em São Paulo, além de dois armazéns de mais de 4 mil m² em Cabo de Santo Agostinho (PE) e em Cariacica (ES).

Há quatro anos, a Connectoway é a principal distribuidora de roteadores Huawei no território brasileiro. Inclusive, nos últimos três anos, ficou entre os cinco maiores distribuidores da fabricante em todo o mundo.

Taylor atribui o sucesso da distribuição de roteadores de WiFi 6 da Huawei a uma demanda mais atenta à qualidade do sinal sem fio, e não apenas por velocidade de internet.

“Entregar qualidade de sinal, maior número de dispositivos conectados, menos delay, menos latência e maior cobertura, só enxergamos na Huawei o equipamento certo”, frisa.

 

Roteadores com um toque brasileiro

Na avaliação do diretor da Connectoway, o interesse dos ISPs em roteadores como os modelos AX2, AX2S e AX3 Pro não é por acaso. Isso acontece por conta do padrão de qualidade da Huawei, que considera as necessidades do mercado brasileiro durante o desenvolvimento de seus produtos.

Aproveitando-se de sua proximidade com os provedores, a Connectoway coletou diversas sugestões do mercado a respeito de um dispositivo que pudesse fornecer conexões sem fio de alta qualidade, ao mesmo tempo em que fortalecesse a segurança das redes e simplificasse as operações dos ISPs.

As reivindicações, em seguida, foram levadas ao conhecimento da Huawei. Com base nos anseios dos provedores brasileiros, a equipe de engenharia da fabricante projetou, inicialmente, o roteador AX2, cuja procura, ao ser disponibilizado no mercado, superou as expectativas. Com isso, a Huawei também lançou no País outros modelos projetados com foco nas necessidades dos ISPs.

Willian Taylor, diretor Comercial e de Marketing da Connectoway
Willian Taylor, diretor Comercial e de Marketing da Connectoway

“O que fizemos foi levar à Huawei tudo o que conhecíamos sobre os anseios, as vontades e os desejos dos ISPs. Os roteadores trazem tudo o que os provedores mais querem, como WiFi 6, capacidade para rede mesh, recursos de segurança e design de fácil instalação”, resume Taylor.

 

Redução do churn

Atualmente, dado o nível de competitividade no mercado de banda larga fixa, uma das maiores preocupações estratégicas dos ISPs é sobre como reduzir o churn (taxa de cancelamento de assinaturas). Como muitas vezes a competição se resume ao preço mais baixo, é comum assinantes migrarem de provedor sendo atraídos por promoções de planos de internet mais baratos.

No entanto, Taylor indica que, além de entregar a velocidade contratada pelo cliente, os ISPs precisam melhorar a qualidade do serviço prestado, o que contribui para evitar perdas de assinantes para concorrentes. Isso pode ser feito com o uso de equipamentos mais eficientes, como os roteadores de WiFi 6 da Huawei.

“Não adianta dizer que vai entregar 1 Gbps e colocar na casa do cliente um equipamento que não consegue performar”, afirma o executivo. “Quando se trabalha com um dispositivo com o selo de qualidade da Huawei, ele entrega tudo aquilo que promete – e o ISP surpreende positivamente o assinante”, complementa.

Além disso, Taylor reforça o recado dizendo que até mesmo provedores que fazem grandes investimentos em infraestrutura de rede fixa tendem a perder clientes ao optar por roteadores que não suportam diversos dispositivos conectados simultaneamente, que são vulneráveis a invasões de rede ou que não dispõem de capacidade para trafegar velocidades mais rápidas.

“Por outro lado, quando se instala na casa do cliente um roteador que não perde sinal, como os da Huawei, há motivação para que o assinante troque de provedor?”, conclui o diretor da distribuidora.

Acesse o site da Connectoway para saber mais sobre o trabalho da distribuidora e confira o portfólio de roteadores da Huawei no site oficial.

 

TEMAS RELACIONADOS

ARTIGOS SUGERIDOS



 

Chatbot com IA da Mundiale automatiza vendas dos ISPs em até 84%
ISPs ainda podem contar com envio automatizado de boleto com régua de cobrança para reduzir a inadimplência e com gerenciamento fim-a-fim.