Em fevereiro de 2010, todo o Brasil terá telefone celular.


Hoje foi concluída mais uma etapa da licitação de freqüências da terceira geração da telefonia móvel, realizada pela Anatel, e foram loteados os 1.836 municípios sem-celular, que passarão a ter o serviço até fevereiro de 2010. Conforme as obrigações estabelecidas no edital de licitação, cada empresa que ganhou o leilão (Vivo, Oi, Claro, Tim, BrT …

Hoje foi concluída mais uma etapa da licitação de freqüências da terceira geração da telefonia móvel, realizada pela Anatel, e foram loteados os 1.836 municípios sem-celular, que passarão a ter o serviço até fevereiro de 2010. Conforme as obrigações estabelecidas no edital de licitação, cada empresa que ganhou o leilão (Vivo, Oi, Claro, Tim, BrT Celular e CTBC) tem que instalar a rede de telefonia móvel em 25% dos municípios que hoje não têm a cobertura celular nas áreas onde compraram licenças.

Hoje foram definidos os municípios que serão atendidos por cada empresa. Na área 1 (que engloba os estados da Bahia, Sergipe, Rio de Janeiro e Espírito Santo), serão atendidos 239 municípios com menos de 30 mil habitantes dos estados de Bahia e Sergipe que ainda não têm o serviço, e mais uma cidade baiana com mais de 30 mil habitantes que também não conta com a rede.

PUBLICIDADE

Na área 2, que engloba os estados do AC; GO; MS; MT; PR;RO;RS;SC; TO outros 673 municípios com menos de 30 mil habitantes também passarão a contar com a rede de telefonia celular em até dois anos.

Nas áreas 3 e 4, que englobam a Grande São Paulo e os estados do AM;PA;MA; AP e RR serão atendidos 243 municípios com menos de 30 mil habitantes, 21 cidades com mais de 30 mil habitantes localizadas na Região Norte e outras três cidades da Grande São Paulo (Lanas, Santa Salete e Três Fronteiras) que também não têm o serviço.

Nas áreas 5 e 6, referentes ao interior do estado de São Paulo e os estados de AL;CE;PB;PE e PI serão 653 municípios com menos de 30 mil habitantes atendidos e outros três municípios nos estados do Ceará e Piauí, com mais de 30 mil habitantes, também a contar com o serviço.

Segundo o vice-presidente da comissão de licitação da Anatel, Bruno Ramos, na próxima semana serão sorteados os 2.740 municípios com menos de 30 mil habitantes que terão que ser atendidos, num prazo de oito anos, com a rede de terceira geração da telefonia móvel.

Ele afirmou que a expectativa da Anatel é assinar os contratos com as empresas na segunda quinzena de fevereiro, quando, então, começam a valer os prazos para o cumprimento das obrigações estipuladas pela agência.

Pendências

Ramos informou ainda que, na próxima semana, o conselho diretor da Anatel poderá decidir sobre o recurso da Tim referente à área que cobre os estados do Rio de Janeiro, Espírito Santo, Bahia e Sergipe (a Tim contesta o preço final que terá que pagar). Ele espera que este mês o conselho também decida sobre a pendência das freqüências de 900 MHz, vendidas no leilão das sobras do SMP, mas que ainda não foram outorgadas para os compradores devido a uma disputa entre a Claro e a Tim.

PUBLICIDADE
Anterior É simples a mudança de regras para contemplar fusão Oi/BrT
Próximos Anatel prorroga consulta pública sobre sanções