PORTAL DE TELECOM, INTERNET E TIC

Gente

​Elea Digital anuncia novo diretor de rede

Gustavo Pereira assume o posto. Executivo atuava como gerente de engenharia de serviços de rede para América Latina na Equinix.
Gustavo Pereira, novo diretor de redes da Elea Digital (Foto: Divulgação)

A Elea Digital anunciou, nesta terça-feira, 25, o novo diretor de redes do ecossistema de edge data center, Gustavo Pereira. De acordo com a companhia, o novo integrante do time executivo chega para apoiar os clientes em suas necessidades de rede e comunicação de dados, projetando novas soluções, serviços e produtos.

Gustavo trabalhará na sede da Elea no Rio de Janeiro. Antes atuava como gerente de engenharia de serviços de rede para América Latina, na Equinix — multinacional atuante no mercado de infraestrutura digital. 

Ao longo dos mais de 15 anos de experiência, o novo diretor de rede da Elea também já teve passagens por empresas como a NEC e Orange.

“Estou honrado em ter recebido o desafio de atuar no fortalecimento da capacidade de interconexão da Elea Digital. Nosso ecossistema de edge é fundamental para melhorar a experiência do usuário final, reduzindo a percepção geral de latência e garantindo a confiabilidade da plataforma”, disse Pereira em nota

Estratégia

A Elea Digital afirma que está em esforço contínuo para aumentar organicamente suas capacidades e agora também se concentrará em produtos de rede que são críticos para seus data centers edge.

Em agosto deste ano a empresa adquiriu data center da TIM em Porto Alegre (RS). A próxima etapa é ampliar a capacidade da instalação. Neste mês o presidente da plataforma, Alessandro Lombardi afirmou que, “hoje, o data center conta com um espaço de 4mil m², com 1,2 MW de potência instalada + 5MW de potencial de expansão, além de ser potencial ponto de aterragem de cabos submarinos, capazes de conectar o Brasil aos Estados Unidos, Uruguai e Argentina”.

Antes do negócio com a TIM, a Elea Digital arrematou por R$ 325 milhões os data centers da Oi no leilão judicial ocorrido em 2020.

A empresa tem por trás a instituição financeira Piemonte Holding, que  também data center um data center da Globo.

TEMAS RELACIONADOS

ARTIGOS SUGERIDOS