Disney+ terá versão com anúncios ainda este ano


Disney+ terá versão com anúncios ainda este ano
Crédito: Divulgação

O aplicativo de streaming Disney+ vai começar a vender planos de assinatura de uma versão mais barata, subsidiada por anúncios, ainda em 2022. Segundo a empresa, a oferta do app com publicidade chegará primeiro aos Estados Unidos. Em 2023, será feito o lançamento em outros países. A empresa não confirma se o Brasil está na lista de prioridades.

Nada vai mudar para os atuais assinantes. Os pacotes de assinatura mensais e anuais, sem qualquer publicidade embarcada, continuarão a existir. O modelo com publicidade, no entanto, será mais barato.

PUBLICIDADE

A estratégia por trás da iniciativa consiste em ampliar a base de clientes, uma vez que a meta da Disney+ é superar a Netflix no mundo até 2024. Naquele ano, diz, o objetivo é ter entre 230 e 260 milhões de usuários. A Netflix não divulga estimativas desse tipo, mas atualmente a empresa tem 224 milhões de assinantes.

Hoje, a assinatura mensal do Disney+ sai por R$ 27,90, e a anual, por R$ 279,90. Em combo com o conteúdo Star+, custa R$ 45,90 ao mês. O Star+ reúne os canais esportivos da Disney e produções para  adultos. Já a Netflix oferecer planos com preços variam de R$25,90 a R$55,90, conforme o número de perfis que podem acessar ao mesmo tempo e qualidade do vídeo.

Demanda de anunciantes

“Seria uma vitória para todos ampliar o acesso ao Disney+ a uma audiência maior, e com um preço menor. Ganham consumidores, anunciantes, e os produtores”, afirmou em nota Kareem Daniel, presidente do conselho da Disney Media and Entertainment Distribution.

A companhia já tem experiência no segmento de apps bancados por anúncios. É dona, por exemplo, do Hulu, que também transmite conteúdos sob demanda para o usuário no celular, tablet, computador ou smart TV. O Hulu exibe publicidade e não cobra por assinatura. No segmento esportivo, a empresa tem o ESPN+ nos EUA, que também veicula anúncios, mas cobra taxa de uso do espectador também.

A presidente da Disney Media, Rita Ferro, afirma que desde o lançamento do Disney+ anunciantes procuram a empresa com propostas comerciais.

“O Disney+ com anúncios será um ambiente premium para os planos de marketing dos anunciantes, e terá todas as nossas amadas marcas: Disney, Pixar, Guerra nas Estrelas, Marvel e National Gegraphic”, disse.

PUBLICIDADE
Anterior TIM tem novo Diretor de Soluções Residenciais
Próximos Teles pedem pressa à Anatel no caso da venda da Oi Móvel