Dilma quer recurso público para universalizar a banda larga


Em encontro com integrante da Campanha Banda Larga é um Direito Seu, em São Paulo, a presidente e candidata à reeleição Dilma Roussef, do PT, afirmou que “a infraestrutura de banda larga é a mais importante no país” para ser desenvolvida nos próximos anos. Ela afirmou que, caso reeleita, o novo governo vai trabalhar para universalizar o acesso à internet em alta velocidade.

Para conseguir o feito, Dilma falou ser necessário recorrer a investimentos públicos, mas reconheceu papel fundamental do setor privado. Segundo ela, o dinheiro para ampliar a infraestrutura viria do Orçamento Geral da União e via financiamentos subsidiados. “Sem esses dois elementos não sai banda larga”, disse. Não especificou, porém, se o dinheiro viria dos fundos Fust, Funttel e Fistel.

O financiamento seria a juros baixos e com prazo de pagamento de pelo menos 15 anos. Ela disse que pretende estabelecer metas para as empresas atenderem nos próximos anos através da criação de uma legislação específica. “A meta será chegar a 90% dos municípios com fibra óptica e oferecer internet a 25 Mbps, em média”, afirmou.

PUBLICIDADE
Anterior Iphone 6 está mais fino e com tela maior
Próximos Ericsson lança small cell para pequenos ambientes