Da noite para o dia, 20 mil pessoas foram para a casa


Para solucionar esse dilema, provocado no início da pandemia da Covid-19, a Vivo precisou agir com muita rapidez para mobilizar todos recursos necessários para permitir que os trabalhadores pudessem atuar com a mesma qualidade, em suas residências. ” Tivemos também que ser muito rápidos para montar os protocolos de segurança à saúde das pessoas”, afirmou Luiz Cláudio Xavier, da Vivo

PUBLICIDADE
Anterior Anatel abre consulta pública sobre coleta trimestral de dados de telecom
Próximos Copel vai investir R$ 3,5 bi em redes inteligentes e eletrificação rural