Cresce 23% consumo de minutos na internet pelo celular


Número de pessoas conectadas multiplataforma no país chegou a 126,5 milhões no primeiro semestre de 2021, uma alta de 3% em relação ao fim do ano passado; dispositivos móveis concentram 112 milhões de usuários, alta de 6% em relação ao final de 2020

5g-energia-cidade-smartphone-celular crédito: divulgação
Análise mostra que o brasileiro passa, em média, 3 horas e 23 minutos por dia conectado à rede – crédito: divulgação

O número de pessoas conectadas multiplataforma no Brasil chegou a 126,5 milhões no primeiro semestre de 2021, uma alta de 3% em relação ao fim do ano passado, quando eram 122,7 milhões. Dispositivos móveis concentram 112 milhões de usuários, uma alta de 6% em relação ao final de 2020. Estes são alguns dos dados resultantes do recente estudo “Tendências e Comportamentos Digitais 2021”, da Comscore, empresa especializada em medição de audiências digitais.

Segundo a Comscore, o distanciamento social imposto pela pandemia teve um grande impacto no crescimento da população digital, que segue ascendente no Brasil. O relatório aponta também que o acesso via dispositivos móveis (smartphones e tablets) cresceu em ritmo ainda mais acelerado neste período, atingindo a audiência de 112 milhões de usuários, que levou a uma alta de 6% em relação ao final de 2020, quando eram 105 milhões.

PUBLICIDADE

Na América Latina, o Brasil é destaque em audiência exclusiva móvel, seguido de México, Colômbia e Chile. De acordo com o levantamento da Comscore, dentro do total de pessoas conectadas, são 77,9 milhões que acessam a internet exclusivamente por mobile. As que usam apenas dispositivos desktop são 14,5 milhões, e 34,1 milhões utilizam ambas as plataformas.

Tempo de uso

A análise mostra que o brasileiro passa, em média, 3 horas e 23 minutos por dia conectado à rede. Dentro desse tempo, a quantidade de minutos consumida por meio de dispositivos móveis teve uma alta de 23% entre janeiro de 2020 e junho de 2021, enquanto o acesso via desktop permaneceu constante. Como resultado, 81% dos vídeos reproduzidos na internet são consumidos nos celulares ou tablets e o uso de aplicativos representa mais de 90% do tempo consumido nesses dispositivos.

“Os smartphones são preferência entre os brasileiros e, seguramente, a pandemia foi uma impulsionadora do seu uso para diferentes funções. Isso nos direciona a uma sociedade cada vez mais conectada. Com isso, temos análises mais assertivas em relação aos hábitos de consumo e conseguimos direcionar fortes tendências para as marcas”, diz Alejandro Fosk, diretor geral da Comscore América Latina.

Análise de perfil

O estudo mostrou uma equidade entre os gêneros da população digital: 50% são homens e 50% mulheres. Em relação à faixa etária, a maior concentração desses usuários está entre as gerações baby boomer (45+ anos) e millenial (25 – 34 anos).

A região que lidera em número de consumidores é o Sudeste (48,5%), seguida por Nordeste (23,4%), Sul (14,9%), Centro-Oeste (7,8%) e Norte (5,4%), em quantidade de pessoas conectadas.

De acordo com a Comscore, os baby boomers têm passado mais tempo conectados. A população digital acima dos 45 anos aumentou seu consumo de internet em 30% no período de um ano.

O relatório da empresa também constatou que a categoria Social Media foi a líder de audiência em junho de 2021, quando os usuários acumularam 343,5 milhões de minutos em navegação pelas plataformas de interação social. Nesse ponto, o Facebook segue na liderança, com folga, em relação ao tempo de consumo dos internautas.

Já entre os aplicativos mobile preferidos dos usuários, os líderes de audiência são WhatsApp, Instagram, Facebook e YouTube.

PUBLICIDADE
Anterior Finep financiará com até R$ 400 mi projetos e redes do 5G
Próximos Google anuncia medidas para campanhas políticas