PORTAL DE TELECOM, INTERNET E TIC

Aplicações

CPQD e Edge Uol firmam parceria para oferecer soluções de redes privativas

Com a oferta de aplicações fim a fim para redes privadas 4G e 5G, parceria mira alcançar setores de saúde, agronegócio e indústria
CPQD e Edge Uol firmam parceria para oferta de redes privativas
Redes privativas para indústria, entre outros setores, estão na mira de CPQD e Edge Uol (crédito: Freepik)

O CPQD e a Edge Uol, empresa de tecnologia e infraestrutura do grupo Uol, anunciaram, nesta terça-feira, 6, uma parceira para oferecer soluções fim a fim para redes privativas 4G e 5G.

Em nota, as organizações informaram que buscam atender às necessidades de empresas de diversos segmentos, mirando, sobretudo, nos setores de saúde, agronegócio e indústria. A parceria prevê soluções de alto valor agregado, incluindo desde dispositivos até core de rede, middleware e aplicações específicas conforme os casos de uso.

Na prática, a parceria nasceu de uma necessidade da Edge Uol de contar com core de rede para redes privativas 4G e 5G. A empresa optou pela solução C2n, do CPQD, a qual será integrada a outros componentes de fornecedores distintos.

Segundo o centro de pesquisa especializado em telecomunicações, a solução, além de convergir as tecnologias 4G e 5G para redes privativas, também pode ser utilizada na operação de serviços de FWA (Fixed Wireless Access).

Projetos

Recentemente, o CPQD anunciou o desenvolvimento de uma solução capaz de prover conectividade a escolas públicas que não têm acesso à internet banda larga, tampouco energia elétrica. A plataforma, que ainda se encontra em fase de Prova de Conceito (PoC), deve chegar ao mercado ainda neste ano.

De acordo com o CPQD, o objetivo da solução é levar conectividade a cerca de 4.600 escolas ainda desprovidas de internet e eletricidade em todo o território nacional. O projeto conta com recursos do Fundo para o Desenvolvimento Tecnológico das Telecomunicações (FUNTTEL), do Ministério das Comunicações (MCom), e da Financiadora de Estudos e Projetos (Finep).

Além disso, o centro de pesquisa informou que a rede privativa 4G LTE, implantada em julho do ano passado no Distrito Agro Tecnológico (DAT), do Projeto SemeAr, em São Miguel Arcanjo, no interior de São Paulo, tem contribuído para a transformação digital de mais de 40 pequenos produtores rurais. (Com assessoria de imprensa)

TEMAS RELACIONADOS

ARTIGOS SUGERIDOS



 

Chatbot com IA da Mundiale automatiza vendas dos ISPs em até 84%
ISPs ainda podem contar com envio automatizado de boleto com régua de cobrança para reduzir a inadimplência e com gerenciamento fim-a-fim.