Conexão cancela entrada na bolsa


O grupo de ISPs Conexão, que protocolou em agosto pedido de oferta pública de ações ainda com o nome de Triple Play, desistiu do negócio. Formado pelo fundo de investimento Acon, a empresa reúne os provedores regionais Videomar, Cabo, Conexão, Direta, Outcenter e Tecnet.

A desistência aconteceu “em decorrência das atuais condições de mercado”, afirma a empresa. Conforme fontes do mercado, o grupo não conseguiu completar o book, ou seja, não atraiu os grandes compradores institucionais.

PUBLICIDADE

Conforme analistas de mercado, a procura inicial pelas ações estava aquecida, mas em setembro houve uma “virada” do mercado, com o fracasso do IPO da distribuidora de gás Compass, do grupo Cosan, o que foi visto por investidores como sinalização de que o momento não está para risco.

A a partir de então, os investidores passaram a julgar o valor pedido do IPO acima do praticado no mercado de telecom, em que as operadoras tradicionais TIM e Vivo são comercializadas com valor de mercado sobre o EBITDA de cerca de 4x, enquanto o Conexão estabelece como preço uma relação equivalente a 8x o EBITDA, que equivalia a R$ 1,3 bilhão.

Caso levado a cabo, o IPO da Conexão seria o primeiro caso de grupo de provedores regionais e abrir o capital da bolsa brasileira. A desistência, é bom lembrar, não significa que no futuro a proposta não seja retomada.

Anterior LIVE AGROtic 2020 - A importância de se debater tecnologia e conectividade no Agronegócio
Próximos Estudo da PROTESTE demonstra que combos são a opção mais econômica