Compra da AES Atimus pela TIM agora será examinada pelo Cade


A Anatel enviou nesta terça-feira (10) ao Cade (Conselho Administrativo de Defesa Econômica) o processo da compra da AES Atimus pela TIM, para que sejam analisadas as questões concorrenciais relativas à operação. A anuência prévia da aquisição, que avaliou as implicações regulatórtias, foi concedida sem restrição pela agência em 1º de setembro de 2011 e a conclusão da operação foi comunicada pela prestadora em 1º de novembro do mesmo ano.

A TIM, controlada pela Telecom Italia, informou que a aquisição, anunciada em julho deste ano, da AES Telecom de São Paulo e AES Telecom Rio, custou de R$ 1,522 bilhão. Deste total, R$ 1,074 bi refere-se à empresa paulista e R$ 448 milhões à carioca. Foram adquiridas todas as ações da AES Telecom de São Paulo e 98,26% das ações da empresa no Rio de Janeiro. A TIM informa que irá fazer oferta pública pelo restante das ações cariocas.

PUBLICIDADE

 
As duas operadoras passam a se chamar TIM Fiber SP e TIM Fiber RJ e juntas contam com uma rede de fibra óptica de 5,5 mil quilômetros, abrangendo um mercado potencial de oito milhões de residências, 550 mil empresas em 21 cidades. Conforme o fato relevante, a operadora pretende, com esta arquitetura de rede, interligar as antenas da TIM com fibra óptica para alanvancar os serviços de dados do celula, atender ao mercado corporativo e entrar no mercado residencial com oferta de ultrabanda larga.

 
Conforme a AES Eletropaulo, anunciada em fato relevante, a venda terá impacto positivo de cerca de R$ 457 milhões em seu lucro líquido.

PUBLICIDADE
Anterior UIT promove Conferência Mundial de Radiocomunicação
Próximos Mais de 195 mil telefones, 3 mil e-mails e 11 mil linhas de internet foram grampeados legalmente em 2011