PORTAL DE TELECOM, INTERNET E TIC

Balanço

Com receita em alta, SES confirma serviço de banda larga via satélite para o terceiro trimestre

Em balanço do primeiro trimestre, operadora indica que 2023 será um ano “emocionante” com a ativação da constelação O3b mPOWER
SES planeja lançar banda larga via satélite da constelação O3b mPOWER no terceiro trimestre
Lançamento de satélite da constelação O3b mPOWER, da SES; serviço de banda larga chega em breve (crédito: Divulgação/SES)

A empresa de conectividade via satélite SES divulgou, nesta quinta-feira, os resultados financeiros do primeiro trimestre de 2023. Com alta na receita, a operadora indicou que deve ter um ano “emocionante”, reforçando que planeja lançar comercialmente o serviço de banda larga da constelação O3b mPOWER no terceiro trimestre.

Segundo o balanço, a empresa auferiu lucro líquido ajustado de 64 milhões de euros (aproximadamente R$ 352 milhões), baixa de 26,6% na comparação com o resultado do mesmo período de 2022, quando o lucro foi de 88 milhões de euros (R$ 484 milhões).

A receita, no entanto, cresceu 9,6%, chegando a 490 milhões de euros (R$ 2,7 bilhões), superando o faturamento de 448 milhões de euros (R$ 2,46 bilhões) do trimestre inicial do ano passado.

A divisão de redes teve alta de 2,9%, com destaque para o segmento de mobilidade (14,4%), ao passo que dados fixos (-1,6%) e governo (-0,6%) registraram leves baixas.

No que diz respeito ao serviço de vídeo, a SES informou que fechou contratos de renovação no valor de 110 milhões de euros (R$ 605 milhões). Contudo, ainda assim o setor teve baixa de 8,3% no primeiro trimestre.

O EBITDA (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) ajustado teve queda de 3,2%, passando de 274 milhões de euros (R$ 1,50 bilhão), no primeiro trimestre de 2022, para 265 milhões de euros (R$ 1,45 bilhão), na abertura de 2023.

No fim de abril, a empresa lançou ao espaço dois satélites de órbita terrestre média (MEO) da constelação O3b mPOWER, que se juntaram a outros dois que já estavam em órbita. Conforme o balanço, os artefatos 5 e 6 devem ser lançados em junho deste ano.

“Nossas redes terrestres estão prontas, terminais de clientes estão sendo implantados e nós antecipamos o lançamento comercial para o terceiro trimestre no que promete ser um ano emocionante para a SES em 2023”, afirmou Steve Collar, CEO da empresa, em trecho do documento.

A frota inteira da constelação O3b mPOWER deve ter 11 artefatos. O lançamento dos satélites 7 e 8 está planejado para o segundo semestre de 2023.

TEMAS RELACIONADOS

ARTIGOS SUGERIDOS



 

Chatbot com IA da Mundiale automatiza vendas dos ISPs em até 84%
ISPs ainda podem contar com envio automatizado de boleto com régua de cobrança para reduzir a inadimplência e com gerenciamento fim-a-fim.