Cobertura 4G da TIM ultrapassa a 3G em dois anos, promete Rodrigo Abreu


Com nova marca e novo posicionamento – o de fazer diferente – a TIM, segunda maior operadora de celular e a que possui hoje a maior cobertura 4G (presente em 411 cidades) pretende acelerar ainda mais a aposta em banda larga móvel. Segundo o CEO, Rodrigo Abreu, a TIM pretende, em dois anos ter a rede 4G maior do que a rede 3G, alcançando 90% da população urbana do país. Mas o maior desafio certamente é cumprir a nova missão de se transformar na empresa de ” serviço de comunicação e informação mais querida”. ” Hoje os usuários amam os celulares e odeiam as operadoras”, admitiu.

Tim-nova-marca-rodrigo-abreuPara alcançar essa meta, ele pretende ocupar as frequências de 700 MHz este ano, antecipando o cronograma previsto no leilão da Anatel.Essa antecipação é possível, explicou, porque em muitas cidades médias não será necessário fazer o desligamento da TV analógica, o que tornará mais fácil a ocupação da frequência pela telefonia celular.

As frequências de 700 MHz são importantes pra o celular porque permitem que as empresas alcancem grandes áreas de cobertura, ao contrário das frequências mais altas, onde hoje estão sendo oferecidos os serviços de quarta geração.

Abreu disse que a empresa investiu no ano passado também na 3G e vai continuar a investir este ano nessa tecnologia, principalmente para proporcionar melhor experiência para o usuário, complementando redes em corredores de circulação, estradas, áreas contíguas.

PUBLICIDADE

A rede de segunda geração deverá ficar relegada para as conexões máquina a máquina e áreas remotas, acredita, ms não sabe até quando ela sobreviverá no país. Embora tenha certeza de que a substituição da 4G pela 3G será muito mais rápida do que foi a das duas gerações anteriores.

Segundo Abreu, os investimentos da TIM continuarão nos patamares anunciados (R$ 14 bilhões para os três anos desde o ano passado), salientando que no próximo ano os investimentos serão menores porque a maioria dos recursos estão sendo aplicados no biênio 15/16.

Diferente

O que poderia ter em comum a pequena cidade de Paulista, no semi-árido paraibano, e sua professora Jonilda Ferreira,  com Jonas Kroustrup, da dinamarquesa cidade de Vejle? Ou o criador do Waze, Uri Levine, com o jornalista e vencedor do Esso, Glenn Greenwald, ou com o ativista das favelas cariocas Anderson França? Os cinco deram seus depoimentos emocionados – e emocionantes – aos jornalistas presentes ao lançamento do novo posicionamento da TIM. Com eles, as mensagens de inovação, transparência, pioneirismo e coragem.

 

 

 

Anterior Segurança dos EUA pede que usuários Windows desinstalem QuickTime
Próximos Parceria Abinee/Apex vai estimular exportação de eletroeletrônicos