CMO aprova R$ 143 milhões ao orçamento do MCom e Mcti


 

CMO aprova R$ 143 milhões ao orçamento do MCom e Mcti
Credito: Freepik

A Comissão Mista de Orçamento (CMO) aprovou o relatório setorial do deputado Domingos Sávio (PSDB-MG) que aumenta em R$ 143,4 milhões os recursos para os ministérios da Ciência e Tecnologia (Mcti) – mais R$ 78,9 milhões -, e das Comunicações (MCom) – mais R$ 64,6 milhões-, no projeto de lei orçamentária para o ano de 2022 (PLN 19/2021). Com os acréscimos, o Mcti está agora com um orçamento total de R$ 9,882 bilhões; e o MCom com R$ 3,172 bilhões.

No Ministério das Comunicações, o programa mais beneficiado com as modificações foi o Conecta Brasil, do que promove iniciativas e projetos de inclusão digital e recebeu R$ 64,6 milhões em emendas. Desse montante, R$ 30 milhões foram remanejados com o cancelamento de infraestrutura para inclusão digital e desenvolvimento de satélite geoestacionário da Telebras.

O programa que mais recebeu recursos no Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação foi o de Tecnologias Aplicadas, Inovação e Desenvolvimento Sustentável: R$ 35,9 milhões para apoio a projetos de tecnologia e fomento à pesquisa.

Com os acréscimos, o Mcti está agora com um orçamento total de R$ 9,882 bilhões; e o MCom com R$ 3,172 bilhões.

Em comparação com a dotação para este ano, a Ciência e Tecnologia vai ter um aumento de 10,3%, enquanto as Comunicações terão uma redução de 23,8%.

Entre os acréscimos do relatório setorial, a Ciência e Tecnologia ganhou R$ 24,7 milhões em emendas individuais e R$ 40,1 milhões em emendas de bancada impositivas. As Comunicações receberam R$ 11,8 milhões em emendas individuais e R$ 3,5 milhões em emendas de bancada impositivas. (Com informações da Câmara)

PUBLICIDADE
Anterior Saem indicações para diretor e ouvidor da Ancine
Próximos Claro agrega frequências do leilão para a Stock Car