Claro e Vivo ficam com 5 lotes nacionais da faixa de 26 GHz


Claro e Telefônica foram as grandes vencedoras dos lotes nacionais da faixa de 26 GHz, nessa sexta-feira, 5, segundo dia do leilão do 5G.  Os lotes G01e G02 foram vencidos pela Claro, ao custo de R$ 52,825 milhões cada. A abrangência é nacional, têm 200 MHz de banda e o prazo das outorgas é de 20 anoss.

PUBLICIDADE

A Telefônica levou três lotes: o G03, G04 e G05, também nacionais e com 200 MHz, da faixa de 26 GHz, pagando o preço mínimo de R$ 52,824 milhões cada. O prazo das outorgas é de 20 anos

Para os lotes da faixa de 26 GHz, os compromissos são de financiar projetos de conectividades nas escolas. A frequência de 26GHz é a faixa com maior capacidade de transmissão de dados e menor latência, mas ainda é usada para serviços experimentais.

Ontem, 4, a Anatel vendeu as faixas de 700 MHz, 2,3 GHz e 3,5 GHz, arrecadando mais de R$ 7 bilhões. 

PUBLICIDADE
Anterior Anatel comemora ingresso de quatro novas operadoras na telefonia móvel no país
Próximos TIM leva 26 GHz nacional e mais espectro no Sul, SP e sudeste