Notícias da categroia

Entrevistas

A opinião de especialistas e profissionais de peso no mercado de telecomunicações, tecnologia e também em regulamentação. Em formato ping-pong

Executivo de Estratégia e Novos Negócios aponta que a empresa quer ser provedor de infraestrutura digital compartilhada no Brasil para todas as grandes operadoras e também pequenos provedores 

Marcos Scheffer, vice presidente de redes da Ericsson para o Cone Sul da América Latina, não acredita numa disseminação do OpenRAN a curto prazo. Para ele, as especificações e a própria arquitetura proposta para o modelo de interfaces abertas ainda precisam amadurecer, o que deve ocorrer num período de três a quatro anos

Wender Souza, assessor técnico da Abratel, argumenta que o 5G e a banda larga são serviços caros que não atendem o público-alvo das antenas parabólicas. Sustenta que a radiodifusão concorda em destinar para telecom em torno de 35% da sobra do leilão da 4G ao programa Amazônia Conectada.

Para a advogada Samantha Longo, do Escritório Arnoldo Wald, a assembleia de credores, que aprovou o aditivo ao plano de recuperação da Oi com apenas 131 votos contrários dos 5.194 participantes, demonstrou que, em processos como esse, todos têm que ceder

Em entrevista, o presidente da Oi ressaltou a magnitude do projeto de rede neutra da empresa em comparação com outras iniciativas existentes no país, garantiu que a Infraco não terá um bit trafegado de STFC e diz que todas as propostas pela Oi Móvel seguem válidas.

Fernando Viana, titular da 7ª Vara Empresarial do TJ-RJ, aponta que resultados do Plano de Recuperação Judicial da Oi foram “extremamente positivos” com a amortização da dívida de R$ 65 bi e 50 mil acordos; nada impede a venda da Oi Móvel, avalia, e espera a “razoabilidade” das partes no processo para chegarem a um acordo quanto ao aditamento

Marcos Catão, sócio do escritório CTA Advogados, alerta que impacto deve ficar entre 30% a 40% para a maioria do setor só com a unificação do PIS/Cofins. Mas afirma que o aumento será bem maior para as interconexões intra-redes, ou seja, feitas nas redes próprias das operadoras.

Presidente de entidade, Luciano Stutz estranhou a inconstitucionalidade levantada cinco anos depois da aprovação das regras; se a tese for acolhida, o setor de telecom será onerado a favor da administração pública e das concessionárias de rodovias, prevê.

Mergulho da companhia no mercado do agronegócio, lançamento de produtos financeiros, inclusão de aplicativos em planos móveis, redução de custos. A a inovação aberta não para de render frutos para a TIM, conta o responsável pela área, Janilson Bezerra, ao Tele.Síntese.

Igor Moreira, superintendente de Fiscalização, avalia que a aplicação de multas não reduz o número de reclamações e aumenta a judicialização com o pagamento de apenas 10% do valor das sanções. Mas entende que as multas serão preservadas e devem ser temidas.