Brasil pode virar país de maior receita da Telefónica


O Brasil é hoje o maior mercado da empresa de telecomunicações espanhola em número de clientes. Mas, se não houver mudanças no cenário internacional, as operações brasileiras podem se tornar a maior da companhia em receita e resultado operacional, já nos próximos meses.

A afirmação é do presidente do grupo no Brasil, Antonio Carlos Valente. Quando interrogado sobre quando isso aconteceria, o executivo preferiu afirmar que, se a crise na Europa continuar, a mudança pode ocorrer até o final do ano.

Não à toa, a Telefónica Digital divulgou lançamentos e novos investimentos no Brasil, além dos aportes previstos pela Telefônica/Vivo, de R$ 24,3 bilhões de 2011 a 2014, mantidos apesar do cenário econômico negativo na matriz.

Atualmente, a Telefônica/Vivo tem cerca de 90 milhões de usuários e um Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) de 34,2%.

PUBLICIDADE
Anterior Vivo quer prover serviços, mais que conectividade
Próximos Acaba hoje prazo para fazer sugestões ao Marco Civil da Internet