Baixa procura pela parabólica digital gratuita surpreende


A baixa demanda de inscritos no Cadastro Único do governo federal pela parabólica digital gratuita instalada pela Siga Antenado – EAF vem surpreendendo os integrantes do Gaispi e das empresas do setor de telecomunicações.

PUBLICIDADE

Principal obrigação do edital para a venda da faixa de 3,5 GHz, a instalação de kits de sintonia de TV aberta por satélite na banda Ku motivou a inclusão de compromisso de pagamento de R$ 3,5 bilhões no edital do leilão da Anatel, realizado em novembro.

Os dados preliminares mostram que, ao menos nas capitais onde a limpeza da faixa aconteceu, muito menos pessoas aptas a receber os kits de fato solicitaram a instalação grátis da Siga Antenado.

O vice-presidente da Anatel e presidente do Gaispi, Moisés Moreira, contou hoje, 3, no evento Pay TV Forum que foram instalados, até o momento, apenas 37 kits Ku na cidade de São Paulo. O sinal do 5G SA será liberado na cidade nesta quinta-feira, 4. A Siga Antenado abriu o cadastro para beneficiários do CadÚnico em 12 de julho.

“A EAF está atuando nas capitais em que as antenas 5G foram ligadas. Para nossa surpresa, na cidade de São Paulo apenas 31 famílias foram atendidas pelo Siga Antenado. O número das capitais tem sido muito pequeno. Mesmo depois de ligar, como em Brasília, quase ninguém sem a antena ligou pra falar de interferência”, observou.

Jurandir Pitsch, da SES, empresa de satélite também representada no Gaispi, disse no Distrito Federal, menos da metade dos kits previstos foi distribuída. A seu ver, ainda é cedo para dizer que há baixa demanda. “O sinal em banda C da TVRO seguirá ativo por dois anos”, lembrou. Ele também se disse surpreso com o baixo número.

Moreira observou também que a situação nas capitais tende a ser diferente do interior do Brasil. Ele acredita que nas grandes cidades a cobertura do sinal de TV digital terrestre está bem disseminado. “Na hora que o 5G avançar para o interior, vai ter mais demanda de kits do Cadúnico”, prevê.

Também lembrou que o sinal em São Paulo será ativado nesta quinta. “Depois disso, vamos conhecer os relatos de interferência e se aumenta o número de pedidos”, concluiu.

PUBLICIDADE
Anterior Parte dos R$ 3,5 bilhões destinados à internet em escolas poderá custear infraestrutura de rede
Próximos Claro ativa o 5G 'puro' nesta quinta em 52 bairros de São Paulo