Anatel registra aumento de 35% na reclamação da banda larga fixa


A Anatel registrou aumento de 35% nas reclamações dos serviços de banda larga fixa, desde o início do isolamento social, gerado pela pandemia do Covid-19, disse hoje Elisa Leonel, superintendente de Relações com os Consumidores da agência, em live realizada pelo Idec.

De acordo com a superintendente, a agência vem acompanhando o combate aos problemas relacionados às redes de telecomunicações no contexto da pandemia antes mesmo da crise chegar ao Brasil. E, a grande preocupação desde o início, foi com o funcionamento das redes e a estabilidade do serviço.

PUBLICIDADE

“Na perspectiva do comportamento do consumidor, o que mais chamou a atenção da Anatel foi o aumento de reclamações sobre o desempenho da banda larga fixa”, relata Elisa. “Nas primeiras semanas de isolamento houve o aumento de uso da rede, o pico bateu 50% e 70% nessas semanas”.

Elisa afirmou que foi registrado  um aumento de 35% de reclamações relacionadas à banda larga fixa e que esse volume de reclamações ainda não se alterou. Outra preocupação da autarquia esteve direcionada para o pagamento de faturas pelos usuários, além da alimentação de créditos pré-pagos adicionais.

Diálogo

A Anatel optou pelo diálogo com as prestadoras para que fossem aceleradas as medidas de preservação das redes, e de busca de soluções para os problemas da inadimplência e aumento do consumo. “Já são mais de 100 iniciativas das empresas nesse âmbito. Uma delas foi a de mexer nos prazos de cobrança. Cada uma adotou uma solução específica conforme, sua operação permitia”, exemplificou.

Sobre a discussão da adoção de franquia de dados na banda larga fixa, Elisa descarta a possibilidade.  Segundo ela, isso não é um debate no momento e as grandes operadoras continuam impedidas de praticar esse modelo.

*Flávia Gonçalves é estagiária de jornalismo do Portal Tele.Síntese

Anterior Sky acrescenta cinco afiliadas da Globo no Rio Grande do Sul à grade
Próximos Anatel e Ancine fazem parceria para combater pirataria de vídeos na internet