Anatel inicia operações na Olimpíada


anatel-logo-2Equipes da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) começaram a trabalhar última sexta-feira, 22, nas operações de fiscalização e outorga para uso temporário do espectro dos Jogos Olímpicos Rio 2016. No fim de semana, os funcionários da agência trabalharam na instalação de equipamentos de monitoração nos locais de competição.

Eles também preparam da infraestrutura das salas e realização de teste e etiquetagem, além do controle dos equipamentos que utilizam radiofrequência. Até ontem, 24, foram testados e etiquetados 14.629 equipamentos, em todos os clusters – regiões da cidade do Rio onde haverá jogos: Barra, Deodoro, Maracanã e Copacabana -, principalmente no Maracanã, onde ocorrerá a cerimônia de abertura, no Parque Olímpico e na Vila Olímpica.

A Anatel pretende evitar que, durante os jogos, haja interferências nos sistemas de cruciais para a segurança e a transmissão do evento. Cerca de 200 servidores estão envolvidos na força-tarefa deslocada par aRio de Janeiro e demais cidades que receberão as Olimpíadas.

PUBLICIDADE

A demanda de espectro para os Jogos Rio 2016 superou todos os grandes eventos já feitos, inclusive os Jogos de Londres 2012. Mais de 20 mil frequências e 77 mil estações emissoras de sinais de radiofrequência irão operar de maneira dedicada ao evento. A Anatel é a responsável pelo Plano de Gestão do Espectro dos Jogos Rio2016, que inclui atividades de planejamento, consignação, teste e etiquetagem e monitoração do espectro (terrestre e satelital). Também é responsável por cobrar qualidade e cobertura de redes móveis e coordenar a operação com entidades de segurança pública. (Com assessoria de imprensa)

Anterior Vivo cria núcleo de BI e Big Data
Próximos Justiça de MG é impedida de usar bem reversível da Oi