Anatel destina a faixa de 6,4 GHz também para a universalização


A Anatel publicou na última quarta-feira a resolução que destina um pedaço da faixa de 6,4 GHz a 7,1 GHz para ser utilizada pelas operadoras de telecomunicações nos projetos de universalização para municípios remotos e menos populosos. Atualmente, esta faixa é muito usada pelas empresas de energia elétrica e poderá também, agora, ser ocupada pelas …

A Anatel publicou na última quarta-feira a resolução que destina um pedaço da faixa de 6,4 GHz a 7,1 GHz para ser utilizada pelas operadoras de telecomunicações nos projetos de universalização para municípios remotos e menos populosos. Atualmente, esta faixa é muito usada pelas empresas de energia elétrica e poderá também, agora, ser ocupada pelas empresas de telecom para fazerem links ponto a ponto de alta capacidade de transmissão de dados (140 Mbit/s e 155 Mbti/s). ( Da Redação )

PUBLICIDADE
Anterior O direito ao serviço essencial - A Pro Teste e o STFC
Próximos Videocon de olho em unidade de celulares da Motorola