Americanet pode captar R$ 250 milhões para ampliar rede em SP e MS


Operadora deverá aplicar recursos obtidos com a emissão de debêntures incentivadas na construção de rede óptica de transporte e data center nestes estados. Minicom autorizou nos últimos doze meses a emissão de R$ 4,8 bilhões desses papeis.

O Ministério das Comunicações (Minicom) autorizou a Americanet a emitir debêntures incentivadas no valor de até R$ 250 milhões. O dinheiro deverá ser utilizado para investimento em infraestrutura de rede nos estados de São Paulo e Mato Grosso do Sul.

PUBLICIDADE

O projeto prevê construção de rede de transporte, de data center e de infraestrutura de rede local com o objetivo de “ampliar o alcance e aumentar a velocidade e qualidade da conexão”.

O programa de debêntures incentivadas para infraestrutura foi estabelecido em regulamentação da Lei nº 12.431/2011. Prevê desconto no imposto de renda para o investidor jurídico, que em vez de pagar 22,5%, paga 15% para o leão. Já no caso de investimento por pessoa física, a redução é total.

Do ano passado até agora, o Ministério das Comunicações editou sete portarias autorizando a captação de mais de R$ 4,8 bilhões para a implementação de redes de banda larga e expansão da rede móvel em todo o país. Foram contemplados Brisanet, Claro, Unifique e Mob Telecom.

Anterior Indústria aliviada com acordo na Câmara para salvar a Lei de Informática
Próximos Nova lei em SP proíbe envio de mensagens de marketing por SMS ou aplicativo