American Tower assina contrato para instalar Site Inteligente em Santo André


A Prefeitura de Santo André firmou um contrato com a American Tower, operadora de infraestrutura de telecomunicações, para a instalação de um Site Inteligente (iSite) em duas áreas públicas da cidade.

PUBLICIDADE

A nova solução de infraestrutura é um poste compacto, com altura máxima de até 18 metros, que suporta as diversas tecnologias em uso pelas operadoras de telefonia móvel. Estas instalações, autossuficientes em energia, também estão preparadas para o 5G e para monitoramentos de Internet das Coisas (IoT) por meio da rede na tecnologia LoRaWAN da empresa.

Para a American Tower, esse é o primeiro acordo para implantação do iSite com um município brasileiro e faz parte de seu compromisso de levar a conectividade para todos os lugares. “O iSite é ideal para centros urbanos com maior densidade demográfica, por ser eficiente em energia, não interferir com o estilo arquitetônico e oferecer acesso rápido e fácil a locais nas ruas para infraestrutura sem fio”, diz Emerson Hugues, Diretor Geral da American Tower no Brasil. “Essas instalações permitem que as operadoras de rede móvel dimensionem de maneira eficiente as implantações de células de cobertura menores e facilitam o uso de aplicativos de cidades inteligentes”.

O contrato é resultado de um chamamento público, aberto em novembro de 2020, que teve como base o marco legal de telecomunicações de Santo André, considerado um dos mais modernos do país.

De acordo com o prefeito de Santo André, Paulo Serra, a iniciativa é um dos passos para resgatar a cidade como referência no setor de telefonia. “Santo André dá mais um importante passo em tecnologia e inovação, que garantem à cidade conectividade e interação, alinhada às políticas públicas para o fomento de conceitos como Cidades Inteligentes, Indústria 4.0, entre outras, que nos colocam à frente de outros municípios e geram novas oportunidades para a nossa gente”, disse.

Pelo acordo, a Prefeitura de Santo André e os seus parceiros do Parque Tecnológico também poderão utilizar a rede para internet das coisas LoRaWAN da American Tower, que permite a conexão simultânea de centenas de dispositivos para a prestação de serviços municipais, como o monitoramento do trânsito, gestão de energia, aplicações em telemedicina e atenção à saúde, monitoramento climático, defesa civil, entre outros. A tecnologia LoRaWAN é uma das mais eficientes para a transmissão de dados, conectando dispositivos de sensoriamento e monitoramento diversos. (Com assessoria de imprensa)

PUBLICIDADE
Anterior Setor de aeronaves pede o adiamento maior do lançamento da 5G em 3,5 GHz nos EUA
Próximos GSMA forma iniciativa para impulsionar mmWave