América Movil fecha lojas na Venezuela


A América Móvel, maior operadora de telefonia celular da América Latina, que controla a  Claro e faz parte do grupo de Carlos Slim, está bastante insatisfeita com o governo de Hugo Chavez, da Venezuela, e já começa a fechar algumas de suas lojas no país. Essa informação foi divulgada hoje na reunião do conselho consultivo …

A América Móvel, maior operadora de telefonia celular da América Latina, que controla a  Claro e faz parte do grupo de Carlos Slim, está bastante insatisfeita com o governo de Hugo Chavez, da Venezuela, e já começa a fechar algumas de suas lojas no país. Essa informação foi divulgada hoje na reunião do conselho consultivo da Anatel por seu presidente interino, José Tenório Perrone, que teria recebido a confirmação dessa iniciativa por meio de empresas de consultoria que atuam naquele país. Conforme as informações que circulam no mercado, a empresa estaria bastante insatisfeita com a falta de frequência para a ampliação da oferta de seus serviços e com o excessivo controle do governo chavista sobre as suas atividades. (Da Redação).

PUBLICIDADE
Anterior Ceitec inaugura área de desenvolvimento de chips
Próximos Concessionárias mantêm investimentos para implantar backhaul