Alcatel-Lucent aposta na virtualização das funções de rede


A Alcatel-Lucent realizará, no início de 2015, provas de conceito com duas operadoras, uma do Brasil e outra da Argentina, de suas soluções de virtualização das funções de rede (NFV, na sigla em inglês). A NFV é uma das apostas da empresa, que faz demonstrações de sua solução na Futurecom e para entrar nesse mercado tem firmado parcerias com outras empresas.

“A nossa mudança de estratégia, de deixar de ser generalista para ser mais especialista, envolve a associação com outras companhias, que ora são competidoras, ora são parceiras”, disse Osvaldo Di Campli, presidente da Alcatel-Lucent para a região Cala (Caribe e América Latina), em coletiva de imprensa realizada hoje em São Paulo. Citou como exemplo a Accenture, com quem a Alcatel anunciou, no mês passado, uma aliança para prestar serviços aos provedores de serviços de comunicações. “Nós entramos com a tecnologia e eles com os processos para que as grandes empresas possam implementar soluções integradas de ultra banda larga para o usuário final”, comentou.

Anteriormente, a empresa já havia anunciado parceria com a Intel. O acordo, comunicado durante o Mobile World Congress, de Barcelona, prevê a união de esforços para apoiar os operadores de telecomunicações na virtualização de serviços e aplicações. Naquela ocasião, a Alcatel-Lucent anunciou também que estava testando, com a Telefonica de Espanha, sua solução de NFV.

PUBLICIDADE
Anterior Fabricante chinesa de equipamentos OTN e PTN inicia operação no Brasil
Próximos Angola Cable investe sozinha US$ 160 milhões no cabo entre África e Brasil e quer datacenter aqui