Akamai abre sua plataforma de edge computing


A Akamai, empresa especializada em content delivery networks, está abrindo sua plataforma de edge computing para que os desenvolvedores possam executar código e criar microsserviços. O anúncio, feito ontem, 12, vem com as atualizações das plataformas do EdgeWorkers e Image and Video Manager (IVM).

O EdgeWorkers passou a rodar microsserviços criados por terceiros, relatórios de desempenho e consumo de recursos e uma nova API que permite a recuperação de recursos de consumo e dados de desempenho. No IVM, as atualizações trouxeram melhorias que afetam a qualidade de vídeo, novas métricas para o painel de imagem e relatórios de análise de vídeos.

PUBLICIDADE

A empresa reafirma que “a origem não é mais necessária”. Isso significa dizer que os padrões de consumo de hoje exigem uma baixa latência e conformidade baseada na geografia, que os servidores de borda podem oferecer, em detrimento dos datas centers centralizados. (Com assessoria de imprensa)

Anterior Receita de TV paga dos EUA cairá para US$ 56 bilhões em 2025, prevê estudo
Próximos Telefonica anuncia nova unidade para negócios internacionais