Acionistas da Nokia aprovam fusão com Alcatel-Lucent


(Crédito: Shutterstock Vladnik)
(Crédito: Shutterstock Vladnik)

A Nokia recebeu hoje, 02, o último aval necessário para levar a cabo a fusão com a Alcatel-Lucent. A companhia finlandesa comunicou que a maioria de seus acionistas aprovaram o negócio, em reunião extraordinária realizada em Espoo, na Finlândia.

A companhia mantém a previsão de finalizar a incorporação dos negócios ainda no primeiro trimestre de 2016. Depende, agora, unicamente do sucesso da oferta pública de ações que está sendo executada nos mercados francês e norte-americano.

Os acionistas concordaram não apenas com a incorporação, mas também com os termos da oferta de ações, ampliação do conselho de administração e modificação do estatuto social da companhia. O novo conselho manterá Risto Siilasmaa como presidente e deve eleger Olivier Piou, que atualmente integra o conselho da Alcatel-Lucent, como vice-presidente do conselho da nova companhia.

PUBLICIDADE

A compra da Alcatel-Lucent pela Nokia custará €15,6 bilhões à finlandesa. A operação vai criar a segunda maior fornecedora de tecnologia para operadoras de telecomunicações do mundo, com faturamento de US$ 28,6 bilhões, atrás de Ericsson (US$ 29,9 bilhões), mas à frente de Huawei (US$ 27,1 bilhões), segundo números de março reunidos pelo Gartner.

Anterior Aumento de impostos sobre o setor amplia exclusão social, diz Telebrasil
Próximos Começa montagem do centro de controle do satélite geoestacionário da Telebras