Acesso ao espectro poderá Integrar o próximo PGMC



Diferentes agentes estão reivindicando que o acesso ao espectro faça parte de um dos mercados relevantes a serem regulados pelo Plano Geral de Metas de Competição (PGMC), que será revisitado no próximo ano. Segundo Casotti, o processo terá ampla participação social, mas ele assinala que deverá estar lado a lado aos mercados já estabilizados, como os de interconexão e interoperabilidade; infraestrutura passiva; e transporte e conectividade.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Anterior Viavi vê obstáculos para implantação rápida do 5G no Brasil
Próximos Anatel vai aumentar a potência máxima de terminais em redes privativas 5G