PORTAL DE TELECOM, INTERNET E TIC

Pesquisa DMI

Acesso à internet chega a 90% dos domicílios em 2021

Já 28,7 milhões não tinham telefone celular e não usaram a internet, o que representa 15,6% da população de 10 ou mais anos de idade.
Acesso à internet chega a 90% dos domicílios em 2021 - Crédito: Freepik
Crédito: Freepik

A internet já está presente em 90% dos domicílios do país em 2021, uma alta de 6 pontos percentuais (p.p.) se comparado a 2019. Na área rural, a proporção de domicílios com internet passou de 57,8% para 74,7%, entre 2019 e 2021, enquanto na área urbana, ela subiu de 88,1% para 92,3%.

Em 2021, entre os 183,9 milhões de pessoas com 10 ou mais anos de idade no país, 84,7% utilizaram a Internet. Esse percentual foi maior entre os estudantes. A média foi de 90,3%, sendo 98,2% para os alunos da rede privada e 87,0% para a rede pública de ensino.

Os dados, divulgados nesta sexta-feira, 16, pelo IBGE, são do Módulo de Tecnologia de Informação e Comunicação (TIC) que é investigado nas visitas do 4º trimestre pela Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD) Contínua.

De acordo com o estudo, em 2021, o celular era o principal disposto de acesso à internet em casa, sendo utilizado em 99,5% dos domicílios com acesso à rede. Em seguida, vinha a TV, com 44%, superando pela primeira vez os computadores. O uso dos microcomputadores caiu de 45,2% para 42,2% e se encontra na terceira posição. Completa a lista o tablet, que recuou de 12,1% para 9,9% dos domicílios, no período.

Outro dado relevante é que, pela primeira vez, mais da metade dos idosos acessaram a internet. O percentual das pessoas com mais de 60 anos saltou de 44,8% para 57,5%, entre 2019 e 2021.

Banda larga

Merece também destaque o percentual de domicílios com conexão à internet por banda larga móvel, que caiu de 81,2% para 79,2%, enquanto o percentual da banda larga fixa aumentou de 78,0% para 83,5%.

“O aumento do uso da banda larga fixa pode estar relacionado à pandemia, período em que as pessoas tiveram de manter o isolamento, ficando em casa, o que fez com que a banda larga móvel fosse menos utilizada. Outro motivo pode ser a expansão do acesso na Região Norte, onde o percentual dos domicílios com acesso via banda larga fixa teve incremento representativo, subindo de 54,7%, em 2019, para 70,5% em 2021”, comenta a analista da pesquisa, Flávia Vinhaes.

Chamadas de voz ou vídeo

Pela primeira vez desde o início da série histórica, mais pessoas utilizaram a Internet para conversar por chamadas de voz ou vídeo (95,7%) do que para enviar ou receber mensagens de texto, voz ou imagens por aplicativos diferentes de e-mail (94,9%), que era a finalidade mais frequente até 2019. Completam a lista assistir a vídeos, inclusive programas, séries e filmes (89,1%) e enviar ou receber e-mail (62%).

Enquanto 84,2% dos estudantes da rede privada utilizaram a Internet para enviar ou receber e-mail, entre os estudantes da rede pública este percentual foi de 55,0%. Ainda entre os da rede pública, em 2021, a principal finalidade do uso da Internet foi assistir a vídeos, inclusive programas, séries e filmes (94,1%), ao passo que, entre os estudantes da rede privada, o maior percentual ocorreu na finalidade conversar por chamadas de voz ou vídeo (97,2%).

Em 2021, 28,7 milhões de pessoas não tinham telefone móvel celular para uso pessoal, o que representa 15,6% da população de 10 ou mais anos de idade. Deste número, 28,1% alegaram que o aparelho telefônico era caro.

(com Agência IBGE)

TEMAS RELACIONADOS

ARTIGOS SUGERIDOS



 

Chatbot com IA da Mundiale automatiza vendas dos ISPs em até 84%
ISPs ainda podem contar com envio automatizado de boleto com régua de cobrança para reduzir a inadimplência e com gerenciamento fim-a-fim.