A Oi pede arbitragem para o equilíbrio econômico e para a sustentabilidade


A Oi sabe que o conceito de equilíbrio econômico-financeiro da concessão é diferente ao de sustentabilidade do serviço, mas entende que nos dois casos há um desbalanceamento a seu favor, e por isso pediu o julgamento do tribunal arbitral, assinala Adriana Costa.

PUBLICIDADE
Anterior O 5G e a disputa pela presidência da Anatel
Próximos 99Pay é lançado em mais cidades, tendo o WhatsApp como assistente