5G vai acabar com falta de internet em condomínios verticais, avalia Minicom


A tecnologia 5G não será capaz de eliminar todos os problemas de infraestrutura de telecomunicações do Brasil. Mas vai contribuir para liquidar certos problemas considerados atualmente intransponíveis, avalia Artur Coimbra, secretário interino de telecomunicações do Ministério das Comunicações.

PUBLICIDADE

Segundo ele, um do problemas até hoje sem solução é a passagem de cabos em condomínios verticais, localizados em centros urbanos. Estes domicílios carecem de infraestrutura de banda larga por diferentes motivos, entre os principais, a inadequação das instalações da edificação para permitir a passagem interna dos cabos de fibra óptica.

“Existe índice alto de visitas perdidas . Pelo menos 480 mil domicílios têm dificuldade de receber internet cabeada, seja por fibra ou por HFC, por deficiência do edifício. Então o FWA vai trazer experiência e vai trazer solução para esses condomínios urbanos”, afirmou no evento Teletime Tec, realizado pelo site Teletime.

Coimbra lembra que o edital do leilão 5G não vai zerar os problema de infraestrutura, pois foca principalmente na cobertura das cidades. “Existe um campo enorme para ser explorado de conectividade rural, que é disperso, produtivo, e a gente tem pouca informação do quanto estão cobertos”, disse.

Anterior Minicom negocia incluir conexão de escolas no PGMU
Próximos Ministério da Economia reduz número máximo de funcionários do Serpro