ZTE inicia testes com protótipos de ERBs 5G


shutterstock_Grey Carnation_Tecnologia_Tendencia_Telefonia_Movel_5GA ZTE anunciou hoje, 23, que iniciou uma segunda fase de testes do que espera ser a tecnologia 5G. Os testes acontecem na China e têm apoio do governo do país. Os equipamentos usados têm especificações conforme as definidas, até o momento, pelo grupo de trabalho do IMT-2020, responsável por estabelecer os padrões que serão usados a partir de 2019, data provável para a conclusão técnica do que é a quinta geração de rede móvel.

No caso, a ZTE criou uma estação radiobase 3,5 GHz com largura de banda de 200 MHz. Mas também testa protótipos capazes de operar com frequências abaixo e 6 GHz e com ondas milimétricas – acima dos 26 GHz e dos 60 GHz. Os protótipos também rodam sistemas para conexões massivas (mMTC) e de baixa latência (uRLLC).

Os testes levam em conta sete cenários (cenário de cobertura ampla e contínua, cenário de baixo atraso e alta confiabilidade, cenário de baixa potência e conexão massiva, cenário de hotspots@Sub-6GHz, cenário de hotspots@mmWave, cenário de rede híbrida Sub-6GHz & mmWave, bem como outros cenários de redes híbridas).

O projeto de pesquisa e desenvolvimento pode ser dividido em três fases: verificação da tecnologia chave, verificação da solução técnica e verificação do sistema. O projeto entrou em fase de verificação da solução técnica este ano. Nesta fase, a ZTE precisa participar da pesquisa e do desenvolvimento de uma gama completa de protótipos de produtos 5G New Radio (NR) com base na verificação de tecnologia-chave inicial, e precisa verificar funções e desempenho em cenários típicos de aplicação 5G para se preparar para o futuro estabelecimento comercial da rede 5G. (Com assessoria de imprensa)

Anterior Brasil está entre principais origens e destinos de ataques a aplicações web
Próximos Ericsson vai exibir teste com tecnologia 5G em Indianápolis