Zeinal ressalta vantagens de fusão e diz que acionistas devem refletir, após decisão da CVM.


O presidente da Oi, Zeinal Bava, afirmou nesta quarta-feira (26) que os acionistas da Oi, que decidem em Assembleia se a companhia avança no processo de fusão com a Portugal Telecom (PT), precisam aproveitar o tempo até a reunião para refletir  e decidir com plena consciência.

Após evitar comentários em torno da decisão da CVM sobre a possibilidade de votação dos acionistas na Assembléia, o executivo, no entanto, destacou as vantagens que vê no processo de fusão. A Oi, com a operação, irá para o novo mercado e contará com uma estrutura acionária muito mais simples, o que deve, em sua opinião, favorecer o investimento. “A governança da empresa vai mudar substancialmente. E a fusão com a PT trará sinergias entre R$ 5,5 bilhões, sendo R$ 3,3 bilhões operacionais e R$ 2,2 bilhões financeira”, ressaltou.

“Com a fusão vamos poder capitalizar a companhia e continuar a trabalhar para reduzir nossa alavancagem e risco financeiro. Apresentamos esse projeto em outubro e acho que continua atual”, declarou em conversa com a imprensa no Rio de Janeiro, na ocasião do relançamento da oferta de TV via satélite da Oi.

Fato Relevante

A Oi divulgou agora pela manhã fato relevante sobre a decisão da CVM. Entre outras questões,  reitera que os controladores brasileiros poderão votar na Assembleia, exceto a Portugal Telecom e sua controladora.

 

Anterior Facebook compra empresa de realidade virtual
Próximos Parceria entre Facebook e Sebrae visa capacitar mais de 1 milhão empreendedores