Xiaomi lança seu novo smartphone topo de linha


Mi 5_xiaomi-smartphoneA Xiaomi, fabricante chinesa, revelou hoje, 24, durante o Mobile World Congress (MWC), seu novo Smartphone “flagship” – o aguardado Mi 5, com processador Qualcomm Snapdragon 820, até 4GB RAM e 128GB memória flash. O aparelho custará, na China, US$ 305. As vendas começam em 1º de março. O produto também estará disponível em outros países em breve. A empresa não confirma chegada do aparelho ao Brasil.

O aparelhos é construído em vidro e metal, com bordas curvas. A versão mais sofisticadas, Mi 5 Pro, tem o corpo em cerâmica 3D, material mais resistente, segundo a empresa. O Mi 5 pesa 129g, tem espessura de 7,25 milímetros, bateria de 3000 mAh e leitor de impressão digital frontal.

O Mi 5 tem uma GPU Adreno 530, 40% mais rápida e 40% mais eficiente que a GPU Adreno 510. Também é o primeiro Smartphone da Xiaomi a usar memória flash de alta velocidade UFS 2.0, que foi desenvolvida para superar a eMMC 5.0 em até 87%. Para uma maior conectividade, o aparelho suporta a próxima geração 4G + (Cat 12) e VoLTE.

Tem câmera de 16MP com Optical Image Stabilization (OIS) de 4 eixos, é mais eficiente em compensar os tremores das mãos ao tirar fotos. Usa sensor Sony IMX 298 e com uma tecnologia de isolamento pixel- a-pixel, conhecida como Deep Trench Isolation (DTI) – que aumenta a nitidez das cores. A tela é 17% mais eficiente em consumo de energia, economizando a bateria. Tem NFC, tecnologia Quick Charge 3.0, que permite carregar 90% da bateria em uma hora.

Mi 5 estará disponível em 3 modelos e 3 cores: preto, branco e dourado. Mi 5 32GB (Snapdragon 820 1.8GHz, 3GB + 32GB vitrocerâmica) por US$ 305,91, Mi 5 64GB (Snapdragon 820 2.15GHz, 3GB + 64GB, 3D vitrocerâmica) por US$ 351,81 e Mi 5 Pro (Snapdragon 820 2.15GHz, 4GB + 128GB, 3D corpo de cerâmica) por US$ 413. (Com assessoria de imprensa)

Anterior Carteiras móveis somaram 411 milhões de contas no ano passado
Próximos Oi renova ofertas de SVA em segurança móvel