Xiaomi começa a vender novos smartphones no país


O Redmi Note 9 Pro, da Xiaomi (foto: divulgação)

Após anunciar a chegada do Redmi Note 9S há um mês, a Xiaomi, terceira maior fabricante de smartphones do mundo, complementa a linha Redmi Note com os modelos Redmi Note 9 e Redmi Note 9 Pro, além da novidade Mi Note 10 Lite, que também chega ao país.

Os novos smartphones serão comercializados a partir de hoje, 3, pelo site oficial da marca e pelo varejo online (Casas Bahia, Ponto Frio e Extra).

O Redmi Note 9 3G tem 64 de armazenamento e custa R$ 2.499, promocionalmente segundo a marca. O Redmi Note 9 4G e 128 de armazenamento sai também temporariamente por R$ 2.699. Já a versão Pro com 6G e 128 de está à venda por R$ 3.699.

PUBLICIDADE

O modelo Redmi Note 9 apresenta câmera quadrupla de 48MP, bateria de 5020mAh com carregamento de 18W e tela de 6,53 polegadas.

O Redmi Note 9 Pro tem câmera quádrupla de 64MP, processador Qualcomm Snapdragon 720G com até 2,3 GHz. também conta com bateria de 5020mAh , mas o carregamento rápido é de 30W, ou seja, recarga de até 57% em apenas 30 minutos.

O Mi Note 10 Lite traz tela AMOLED curvada 3D imersiva de 6,47”, sensor de impressão digital na tela, bateria de 5260mAh, carregamento rápido de 30W, câmera quádrupla de 64MP com sensor Sony IMX686 que captura fotos nítidas de dia e noite, promete a marca. (Com assessoria de imprensa)

Anterior Anatel e Ancine fazem parceria para combater pirataria de vídeos na internet
Próximos Acordo entre MCTIC e Cisco aponta falta de política tecnológica nacional, avalia instituto