WTTx entra nas prioridades da Huawei


A Huawei considera a plataforma WTTx (wireless-to-the-x) uma opção estratégica para as operadoras que querem lançar serviços de banda larga sem fio que proporcionem uma experiência próxima das conexões de banda larga fixa. A empresa trouxe a solução para o mercado brasileiro em 2016 como parte de seu portfolio de produtos para ISPs e para as operadoras, com quem tem realizado trials.

Segundo a empresa, o WTTx é ideal para países e regiões onde as redes de banda larga fixa não estão totalmente desenvolvidas e também para aqueles com implantação de fibra limitada pela sua geografia. Enquanto o FTTx é implementado de forma massiva nos grandes centros urbanos, o WTTx se posiciona como tecnologia de rede mais efetiva para zonas suburbanas ou pequenas cidades com densidade populacional média.

O  WTTx) é uma solução avançada de acesso à banda larga sem fio (WBB) proposta pela Huawei. Esta solução utiliza a tecnologia 4G / 4.5G e o equipamento nas instalações do cliente (CPE) para resolver o problema de última milha e fornecer uma experiência de banda larga doméstica de quase-fibra (HBB). As operadoras de telefonia móvel podem aproveitar os recursos de rede sem fio existentes para desenvolver rapidamente os serviços HBB com baixo custo, bem como fornecer serviços de valor agregado, como jogos e vídeos.

A fabricante chinesa tem larga experiência com WTTx em todo o mundo. Ela já auxiliou mais de 200 operadoras em todo o mundo a fazer a implantação da plataforma e obterem o retorno em menos de dois anos.

Segundo Juelinton Silveira, diretor de Relações Públicas e Comunicação, a plataforma WTTx é extremamente competitiva e auxilia as operadoras a economizar Capex, obterem o ROI (retorno sobre o investimento) de uma forma mais rápida e ganharem agilidade de mercado.

Mas ele lembra que essa tecnologia será uma importante arma quando a 5G estiver implantada. “Você poderá, por exemplo, colocar o chip do celular no modem e fazer o roteamento do sinal para toda a residência, inclusive o celular, conectando todos os aparelhos inteligentes em alta velocidade”, ressaltou.

 

Anterior STJ não vê abuso no fechamento de conta usada para venda de criptomoeda
Próximos Ericsson retorna ao lucro