Vivo reverte prejuízo e fecha 2006 com lucro.


No quarto trimestre de 2006, a Vivo Participações apurou Ebitda (lucro antes de juros, impostos, amortização e depreciação) de R$ 857,6 milhões, com margem de 29,2%, valor superior em 19,8% ao do 3T06. No acumulado do ano, o Ebitda foi de R$ 2.596,6 milhões, com margem de 23,7%. A empresa divulgou resultados hoje, 8 de …

No quarto trimestre de 2006, a Vivo Participações apurou Ebitda (lucro antes de juros, impostos, amortização e depreciação) de R$ 857,6 milhões, com margem de 29,2%, valor superior em 19,8% ao do 3T06. No acumulado do ano, o Ebitda foi de R$ 2.596,6 milhões, com margem de 23,7%. A empresa divulgou resultados hoje, 8 de fevereiro, antes da abertura do pregão da Bovespa.

A dívida líquida de R$ 3.553,3 milhões diminuiu 14,3% no trimestre, e 14,5% em comparação com o 4T05. A empresa obteve lucro líquido de R$ 885,6 milhões no trimestre, e de R$ 16,3 milhões em todo o ano de 2006.

A Vivo encerrou o último exercício com 29,05 milhões de clientes, base 2,5% menor do que a de 31 de dezembro de 2005. No 4T06, as adições líquidas totalizaram 328 mil clientes, com expansão de 63% em comparação com o trimestre anterior, mas 66% a menos do que as adições conquistadas em igual trimestre de 2005.

No 4T06, o market share da operadora foi de 38,2%, 1,1% menor do que no trimestre anterior, 6% inferior ao de igual trimestre de 2005.

Anterior Alog amplia a receita em 50%, em 2006.
Próximos África: Internet rápida dobra até 2011; mas é pouco.