Vencedores da 3G terão que escolher os municípios sem celular


 A Anatel confirmou a vitória das empresas Vivo, Oi, Tim, Claro, Brasil Telecom Celular, CTBC Celular e Telemig Celular no leilão de venda de freqüências da terceira geração da telefonia móvel, realizado entre 18 a 20 de dezembro. O ato com a adjudicação das propostas vencedoras foi publicado no Diário Oficial da União no dia …

 A Anatel confirmou a vitória das empresas Vivo, Oi, Tim, Claro, Brasil Telecom Celular, CTBC Celular e Telemig Celular no leilão de venda de freqüências da terceira geração da telefonia móvel, realizado entre 18 a 20 de dezembro. O ato com a adjudicação das propostas vencedoras foi publicado no Diário Oficial da União no dia 31 dezembro de 2007.

A agência irá convocar as operadoras até a próxima semana para que escolham, entre elas, os 1.836 municípios que ainda não têm o serviço e que, dentro de dois anos, deverão contar com a rede celular. Conforme as regras do edital, cada empresa terá que atender 25% dos municípios que ainda não têm o sinal, e a escolha dessas cidades se dará em cinco etapas, para que nenhuma fique apenas com as cidades melhores, dessas que não têm o serviço.

A Anatel arrecadou para a União R$ 5,33 bilhões, ágio de 86,67% sobre o preço mínimo estipulado no edital, que era de R$ 2,85 bilhões.

Disputa

A aquisição de um lote (a faixa G que cobre os estados do  Rio de Janeiro, Espírito Santo, Bahia e Sergipe) não foi confirmada pela agência, porque a Tim ingressou com recurso questionando a decisão da comissão de licitação, por ter aceitado uma oferta da Claro fora do prazo de 15 minutos que havia no edital para cada empresa aumentar seu lance. Como a comissão entendeu que a empresa entregou a proposta no prazo regimental, a Tim teve que pagar alguns milhões a mais para confirmar o seu interesse por essa freqüência.   

( Da Redação ) 

Anterior Telecom Italia ganha direito de exploração de satélite
Próximos SPCOM obtém a ISO 27001