Valente diz que foco da Telefônica é o mercado europeu


O presidente da Telefônica, Antônio Carlos Valente, disse hoje, que formalmente ainda não apresentou para os órgãos competentes brasileiros nenhum documento sobre a operação que envolva a compra da TIM pela concessionária de telefonia fixa. De acordo com o executivo, na próxima quinta-feira, 17, ele deverá estar em Brasília, apresentando apenas alguns esclarecimentos adicionais à …

O presidente da Telefônica, Antônio Carlos Valente, disse hoje, que formalmente ainda não apresentou para os órgãos competentes brasileiros nenhum documento sobre a operação que envolva a compra da TIM pela concessionária de telefonia fixa. De acordo com o executivo, na próxima quinta-feira, 17, ele deverá estar em Brasília, apresentando apenas alguns esclarecimentos adicionais à Anatel.  

Valente comentou que o prazo com pedido de anuência prévia deverá ser apresentado para a agência até o dia 21. Entretanto, o executivo não soube dizer quem vai encaminhar o documento, se será a TIM ou a Telefônica.

De acordo com ele, tudo que for relacionado ao Brasil e a Argentina, a Telefônica estará afastada de qualquer tomada de decisão, onde possa existir algum problema regulatório. “Nos mercados onde existir superposição de atividades, nós não iremos tomar nenhuma atitude”, frisou.

O executivo afirmou que o grande foco da concessionária é a Itália, somando-se a Alemanha, República Tcheca, Eslováquia, Inglaterra e a Irlanda. “O nosso objetivo é produzir uma ação adequada junto com a Telecom Itália em outros mercados onde nós não estamos”, salientou.

As declarações do presidente da Telefônica ocorreram durante a posse do novo conselheiro da Anatel, Antônio Domingos Bedran, em Brasília.

Anterior EverMobile lançara leitor de código de barras pelo celular
Próximos A Telemig Celular vai oferecer VoIP