UE libera espectro para serviços móveis de banda larga


Os 27 ministros das telecomunicações da União Europeia aprovaram hoje a proposta da Comissão que prevê a liberação de parte do espectro do GSM, nas frequências de 900 MHz, para serviços móveis de banda larga, tanto de terceira como de quarta geração. Numa primeira fase este espectro será usado nas redes UMTS, mas no futuro …

Os 27 ministros das telecomunicações da União Europeia aprovaram hoje a proposta da Comissão que prevê a liberação de parte do espectro do GSM, nas frequências de 900 MHz, para serviços móveis de banda larga, tanto de terceira como de quarta geração. Numa primeira fase este espectro será usado nas redes UMTS, mas no futuro poderá ser utilizado com a tecnologia LTE. A nova norma deverá ser assinada em setembro e entra em vigor em outubro. Os reguladores de cada um dos Estados-membros têm seis meses para implementar a regulamentação.

A proposta inicial tinha sido feita pela Comissão em 2007, e formalizada em 2008. Foi avaliada pelo Parlamento Europeu em maio deste ano, onde foi aprovada com uma larga maioria de votos favoráveis.

A liberação do espectro que estava reservado ao GSM é mais um dos passos da modernização da legislação comunitária que regula a utilização do espectro de radiofrequência para os serviços móveis, chamado Diretiva GSM.

Com a possibilidade de utilizar a frequência dos 900 MHz para outros serviços móveis, a UE estima que o setor das telecomunicações poderá economizar € 1,6 bilhão. (Da redação)

Anterior Tv digital preocupa Europa e Brasil
Próximos Estatais de telecom do Paraguai e Uruguai firmam acordo de cooperação