TV paga perdeu 549 mil assinantes em 2018


A Anatel publicou em seu sistema os dados da base nacional de TV por assinatura de dezembro. O resultado para o segmento em 2018 foi um encolhimento de 3%, após a perda de 549,8 mil assinantes. A Oi manteve a tendência vista ao longo do ano de crescer no segmento graças à oferta de combos. E como se deu na banda larga, os provedores regionais de acesso que também vendem TV tiveram o maior crescimento proporcional de usuários.

A Telecom Americas (Claro e Net) concentrou o número de desligamentos em 2018. Foram 472 mil assinaturas canceladas, a maior parte no serviço de DTH Claro HDTV. Mas também Sky, Vivo e Nossa TV (do pastor RR Soares) perderam clientes no período (veja a tabela abaixo).

Empresas dez/17 dez/18 Saldo anual Variação %
ALGAR (CTBC TELECOM) 98.756 83.851 -14.905 -15,09%
CABO 52.075 44.988 -7.087 -13,61%
NOSSATV 125.397 46.223 -79.174 -63,14%
OI 1.509.449 1.601.814 92.365 6,12%
Outras 316.630 349.081 32.451 10,25%
SKY/AT&T 5.358.903 5.281.535 -77.368 -1,44%
TELECOM AMERICAS 9.072.765 8.600.763 -472.002 -5,20%
TELEFÔNICA 1.590.680 1.566.567 -24.113 -1,52%
Total Geral 18.124.655 17.574.822 -549.833 -3,03%

Comparação Dezembro x Novembro 2018

No mês, a Sky foi a grande operadora de TV paga capaz de atrair clientes. A empresa registoru 48 mil novos assinantes, expansão de 0,93%. As demais, inclusive a Oi, perderam base. Dentre os pequenos, houve adição de 15,5 mil acessos (tabela abaixo).

Empresas Soma de 2018-11 dez/18 Saldo mensal Variação Dez/Nov
ALGAR (CTBC TELECOM) 85.411 83.851 -1.560 -1,83%
CABO 46.112 44.988 -1.124 -2,44%
NOSSATV 46.100 46.223 123 0,27%
OI 1.602.050 1.601.814 -236 -0,01%
Outras 333.540 349.081 15.541 4,66%
SKY/AT&T 5.233.074 5.281.535 48.461 0,93%
TELECOM AMERICAS 8.672.360 8.600.763 -71.597 -0,83%
TELEFÔNICA 1.577.918 1.566.567 -11.351 -0,72%
Total Geral 17.596.565 17.574.822 -21.743 -0,12%

Evolução por tecnologia

Quanto às tecnologias mais usadas, a DTH segue líder, seguida pelo cabo. A fibra ótica foi a que mais cresceu, mas ainda longe de ameaçar o reinado do satélite e do cabo no setor (gráfico).

Anterior Teles e agência enviam boletins diários sobre tragédia da Vale ao Planalto
Próximos Anatel confirma: Brasil paga o maior imposto do mundo em banda larga fixa

1 Comment

  1. Mario
    10 de Fevereiro de 2019

    Atribuo está queda de assinantes da TV paga, ao crescimento exponencial das IPTVs piratas. Muito dos provedores regionais, implantam Head Ends de forma ilegal que roubam os sinais das grandes operadoras e oferecem planos super baratos aos seus clientes.