TV paga:NET diz que busca excelência do mercado


O vice-presidente de Operações da NET, Danilo Barros, disse, nesta quinta-feira (27), que a empresa continuará investindo na melhoria do atendimento a seus clientes mais em função da concorrência do mercado de TV paga do que pelas falhas detectadas pela Anatel. “Nossos indicadores estão próximos da meta estabelecida pela agência e melhoraram do ano passado para agora”, justificou.

Barros e outros executivos da NET participaram de reunião com o superintendente de Serviços de Comunicação de Massa da agência, Marconi Maya, que exigiu das empresas apresentação de plano de melhoria dos serviços, em decorrência do aumento de 100% das queixas. Ele disse que a operadora continuará na busca da percepção do consumidor de ser a melhor empresa do setor. “Qualidade não é questão de lei, mas de mercado”, sustentou.

A NET ainda não tem um plano pronto, mas Barros disse que os investimentos, que já estão sendo feitos, continuarão, principalmente em redundância de rede, treinamento de pessoal e em um projeto de comunicação mais eficaz com seus assinantes. “Nosso maior problema, de queixas contra cobrança indevida, se dá por falta de entendimento dos usuários dos serviços faturados”, explicou.

Sobre as falhas provocadas pela deficiência da capacitação de pessoal técnico terceirizado, Barros disse que a NET usa maior volume de pessoal próprio. Ele disse que a companhia está investindo, este ano, mais de R$ 2,5 bilhões em melhoria de rede e de atendimento, além de posicionamento em novos mercados. “Mas sempre há oportunidade para investir mais”, disse.

GVT

Em comunicado, a GVT informa que atenderá integralmente a solicitação da Anatel, feita em reunião na manhã desta quinta-feira, 27 de setembro de 2012, de apresentar em 30 dias plano de ação e de investimentos para aperfeiçoar seus serviços de TV por assinatura.

 “A GVT reafirma seu compromisso de qualidade na prestação de serviço aos clientes”, diz a operadora na nota.

 

Telefônica

 

O presidente da Vivo/Telefônica, Antônio Carlos Valente disse que as prestadoras de TV por assinatura do grupo – TVA e Telefônica Digital – buscam sempre a melhoria de seus serviços. E que antes de ser chamado para conversar pela Anatel, agendou encontro na próxima semana para tratar do assunto.

 

Anterior Escolha do padrão de rádio digital será feita em 2012
Próximos Bernardo critica possível aumento do ICMS para TV paga